Em Santos, o Sertãozinho lutou muito, mas não conseguiu sair com o resultado positivo. No Estádio Ulrico Mursa, a Briosa foi efetiva no segundo tempo e ganhou pelo placar mínimo.

 

O primeiro tempo de jogo foi bastante movimentado e aguerrido. Matheus Silva iniciou os trabalhos tentando em cabeceio, mas a bola subiu muito. Para a Portuguesa, Compri, pelo lado esquerdo, cortou para o meio e chutou para fora. Pouco depois, ele ainda teve grande chance em cabeceio cara a cara com João Guilherme, mas a bola saiu tirando tinta da trave.

 

O Touro voltou a arriscar com Diego Luis de muito longe, porém Leandro fez defesa tranquila. Jonathan arrastou do meio campo até a área e chuto forte, obrigando Leandro fazer uma defesa em dois tempos. No último lance da primeira etapa, Luis Felipe, para o time da casa, cobrou falta e alçou na área, ninguém tocou e a bola passou ao lado da trave.

 

O segundo tempo foi ainda mais “pegado” e físico. Malcoon teve a melhor chance para o Touro, aos 14 minutos. Ele rouba a bola no setor ofensivo, entra na área e finaliza no canto esquerdo do goleiro, mas a bola vai para fora. Um minuto depois, Murillo resvala de cabeça para Jonathan, que domina e chuta, porém a bola saiu do rumo do gol.

 

Aos 31 minutos, depois de sobra fora da área, a bola chega para Gualberto, ele cabeceia no contra a pé de João Guilherme e marca o único gol da partida. 

 

A próxima rodada para o Touro está marcada para quarta-feira (28), às 20h, no Fredericão, contra o Juventus.

 

Texto – Vinícius Bis

Foto – Vinícius Bis

Comentários

Deixe uma resposta