O Sertãozinho Futebol Clube começa nesta sexta-feira, 10, a sequência de dois jogos longe do Fredericão. Às 19h15, no Canindé, o Touro dos Canaviais encara a Portuguesa, em duelo que pode dar ao Grená a vaga no grupo dos quatro times que estariam classificados à próxima fase.

Após duas vitórias consecutivas por 3×1 (diante do XV de Piracicaba fora de casa e contra o Capivariano em casa), o técnico Júlio Sérgio terá poucas dificuldades na montagem do time. Apesar de não ter divulgado a escalação, o comandante sertanezino não deve fazer mudanças da equipe que entrou em campo no último jogo.

A novidade da semana fica por conta do retorno do volante Nildo aos gramados. Capitão na campanha vitoriosa de 2016, que culminou no título do Touro na Série A3, o jogador foi relacionado pela primeira vez na temporada e está à disposição de Júlio Sérgio.

Na pré-temporada, ele teve duas lesões na panturrilha, porém, em músculos diferentes. Ficou de fora dos amistosos e também das primeiras partidas do Sertãozinho na competição. De volta, Nildo comenta a sensação de estar com o grupo em São Paulo e a expectativa de entrar em campo contra a Lusa.

“Estou muito feliz de poder voltar a fazer o que mais amo, que é jogar futebol. A ansiedade era muito grande para voltar logo e graças a Deus estou pronto para ajudar meus companheiros. Agradeço, também, minha esposa, que sempre esteve ao meu lado nesse momento difícil que passei. Mas agora estou bem e 100% curado”, afirma.

Confronto

Sertãozinho e Portuguesa já se enfrentaram duas vezes na história em partidas oficiais. Ambas pelo Paulistão. A primeira, em 6 de abril de 2008, foi vencida pela Lusa por 1×0. No Fredericão, o gol foi de Marcelo.

Já na segunda, em 20 de janeiro de 2010, outra vitória do clube da capital. Dessa vez atuando na Arena Barueri, a Portuguesa fez o placar de 2×0, com gols de Fabrício e Domingos.

Arbitragem

O jogo entre Portuguesa x Sertãozinho terá a arbitragem de Alessandro Darcie, de 38 anos. Ele terá o auxílio de Luiz Alberto Andrini Nogueira e Vladimir Nunes da Silvaa. O quarto árbitro será Luiz Carlos Ramos Júnior.

Números

O Sertãozinho já disputou a Série A2 quatro vezes (esta é a quinta da história). Destaque para o ano de 2006, quando o Grená foi vice-campeão perdendo o título para o Grêmio Barueri. Em 2009, comandado por José Carlos Serrão, o Touro também fez uma boa campanha que culminou com o acesso para o Paulistão. Confira os números do Touro na A2:

Vitórias – 34

Empates – 22

Derrotas – 30

Gols feitos – 108

Gols sofridos – 113

Comentários

Deixe uma resposta